ptenfrdeitrues

Artigos

A Via Mista no Rito Antigo e Primitivo de Memphis Misraim, em Portugal.

 

Maçonaria Memphis Misraim GLSL.jpg

A Via Mista no Rito Antigo e Primitivo de Memphis Misraim.

Desde sempre o Rito Antigo e Primitivo de Memphis Misraim, teve na sua génese a igualdade de género. Apesar de na sua estrutura existir a via masculina e a via feminina, isto para salvaguardar a sensibilidade dos seus membros, não fazia sentido haver segregação de género.

E considerado que a mulher é hoje a nível laboral e familiar igual ao homem, foi criada a Via Mista. Aqui são aceites homens e mulheres, livres e de bom costumes, para que em conjunto conheçam os ensinamentos da Arte Real. Até aqui chegarmos, houve um longo caminho a percorrer, já que em Portugal as mulheres estiveram dezenas de anos afastadas da Maçonaria.

A elas era imposto um rito de adoção, ou seja, estavam dependentes, ou eram adotadas por uma loja masculina e funcionavam sob os auspícios dessa loja e nunca poderiam fundar as suas lojas.  Somente nos anos 90 do séc. XX surge a primeira Grande Loja portuguesa, exclusivamente feminina e mais tarde o DH na via mista.

A Grande Loja Simbólica da Lusitania cria a Via Mista do Rito Antigo e Primitivo de Memphis Misraim, em Portugal, onde homens e mulheres trabalham em conjunto para um fim comum. Uma sociedade mais justa e perfeita. 

C.´.F.´.

Grande Oriente de França

grande oriente franca

A Grande Loja Simbólica da Lusitania é uma Obediência Maçónica MISTA, que trabalha com as Cartas Patentes do GRANDE ORIENTE DE FRANÇA, a maior Obediência Maçónica francesa e a primeira da Corrente Maçónica Liberal e a Adogmática, em todo o mundo.

Saber Mais